Tamanho da fonte

19/08/2021 - Editado há 3 meses

Secretaria realiza Oficina Territorial da Primeira Infância

Por: Edinaldo Moreno
Foto: Wilson Moreno/PMM

Integrando a programação do Mês da Primeira Infância em Mossoró, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Juventude (SMDSJ) realiza nesta quinta-feira, 19, a Oficina Territorial da Primeira Infância no Sistema Único da Assistência Social (SUAS). A atividade trata de ações relacionadas à primeira infância, em especial, ao Programa Criança Feliz.

Titular da SMDSJ, Janaína Holanda explicou que representantes de 12 municípios do Alto Oeste potiguar estiveram presentes ao encontro para discutir a temática no auditório do Centro Administrativo Alcides Belo.

“A oficina está tratando de ações relacionadas à primeira infância, em especial, ao Programa Criança Feliz. Essa oficina é realizada pelo Governo do Estado e integra a nossa programação do Mês da Primeira Infância. Hoje temos, além de Mossoró, mais 12 municípios do Alto Oeste discutindo, vendo os indicadores e as possibilidades de atender cada vez melhor a crianças na primeira infância de 0 a 6 anos de idade”.

Ícaro Freitas, subcoordenador da Proteção Básica da Secretaria de Estado do Trabalho e da Assistência Social (SETHAS), enfatizou o trabalho realizado pela pasta estadual desde o início do mês e levá-lo para o centro do debate para fortalecer a rede socioassistencial.

“A primeira infância do SUAS, ao qual o Governo do Estado está trabalhando desde o dia 9 de agosto, traz a importância de levar o tema para o centro do debate, onde a gente possa fortalecer a nossa rede socioassistencial e também ampliar toda a rede intersetorial, fortalecendo o debate entre as diversas políticas públicas voltadas à primeira infância.

Segundo ele, o governo potiguar tem reunido os territórios nos seus locais para que possa discutir e ir além na questão da primeira infância.

Janaína Holanda avalia como positiva as ações já realizadas até o momento. Ela comentou a alegria de observar a participação das famílias nas mais diversas atividades.

“Estamos em agosto e a avaliação é a mais positiva possível. Nós estamos acompanhando nos CRASs (Centros de Referência da Assistência Social) a participação das famílias. Estamos devolvendo a alegria aos nossos equipamentos, estamos também fazendo atualização cadastral da caderneta de vacina”.



Deixe seu comentário


0 Comentário(s)