Município aguarda restabelecimento da regulação de consultas e exames pelo Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde (MS) emitiu comunicado, por meio do Sistema de Regulação (SISREG), explicando a dificuldade enfrentada pelos municípios brasileiros na regulação de consultas, exames e outros procedimentos que são agendados pelo Sistema. O SISREG vem apresentando problemas de marcação desde o dia 23 de março, ocasionando lentidão e espera à população mossoroense que precisa receber os serviços prestados pela Secretaria Municipal de Saúde.

A Diretora da Regulação do Município, Adriana Cunha, esclarece que os gerentes das Unidades Básicas de Saúde vêm tentando constantemente junto ao SISREG garantir a manutenção dos serviços, mas que o sistema não funciona em boa parte do dia. “Os servidores da Saúde estão a todo tempo tentando marcar os procedimentos dos pacientes, mas o Sistema fica lento, demora horas para marcar ou às vezes não chega nem a abrir”, explicou Adriana Cunha.

O SISREG é um sistema criado pelo Ministério da Saúde que visa dar celeridade na marcação de consultas e exames prestados pelos Municípios. A Secretaria Municipal de Saúde aderiu ao SISREG no ano de 2004, com o objetivo de modernizar o atendimento para a população mossoroense.

 

Leia o Comunicado na Íntegra

 

COMUNICADO

Comunicamos que em virtude da atualização realizada no Sistema de Regulação (SISREG), além de outros motivos, o sistema vem apresentando comprometimento em sua performance, gerando problemas no processo regulatório em âmbito nacional. Diante desse fato, o Ministério da Saúde, por meio do Departamento de Regulação Avaliação e Controle de Sistemas (DRAC) e o Departamento de Informática do SUS (DATASUS) estão trabalhando, sem medir esforços, no sentido de solucionar os problemas identificados na operacionalização do sistema, no mais breve espaço de tempo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*